sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Guerra no Rio de Janeiro

Não poderia ficar sem comentar essa confusão que está acontecendo no Rio de Janeiro, desde domingo passado. Para quem não sabe, ou não esteve informado, os traficantes das maiores favelas do Rio de Janeiro (Cruzeiro e Complexo do Alemão) iniciaram uma porção de atos criminosos, para não dizer terroristas contra a população. Incêndio de carros, ônibus, tiroteios, colégios foram fechados, assim como lojas e agências bancárias, somados às mortes de inocentes... Tudo isso em retaliação às tentativas de pacificação das vilas. Achei importante a semi-intervenção do Governo Federal, apoiando o Governo do Estado nesta batalha com a ajuda da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. Sabemos que o RJ se tornou um campo de guerra, assim como está chamando a Imprensa internacional. Contudo, acho louvável a atitude da invasão por parte da polícia e do Exército. Mais louvável ainda é o apoio dos cidadãos. Infelizmente, há inocentes mortos, mas a situação não poderia permanecer como estava. O Poder Público deve retomar essas áreas para que assim possa efetivamente agir para a melhora das pessoas que lá vivem. Independentemente do clima de caos que se instalou, sei que esse estágio é importante para a restauração da ordem. Acima tudo, acredito na política e nas autoridades; e que eles possam acabar com parte dessa bandidagem empoleirada nos morros cariocas.

Lucas Rodrigues

1 comentários:

Leonardo disse...

Ô Brasil maravilhoso!

Tsc, tsc, tsc!

Léo

Postar um comentário