quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Vídeo: Ferramenta de Aprendizagem

Quem nunca preferiu ver um vídeo, por exemplo, um tutorial ou invés de ler um longo e monótono manual? Justamente, é isso que acredito que o vídeo tem a acrescentar no que diz respeito à aprendizagem. Muito falamos com respeito à imagem nas postagens anteriores, e que elas falam por mil palavras... Vídeos nada mais são que imagens em movimento e por consequência são ferramentas interessantes para o uso didático e as facilidades que convém ao Ensino à Distância (EaD). Claro que devemos saber utilizar esses recursos uma vez que o mesmo requer muito pouco envolvimento ou esforço do receptor, que age de forma muito passiva (MORGAN, 1995). Atualmente, com as facilidades da Internet, os repositórios de vídeos como o You Tube fazem com que qualquer pessoa possa obter informações desde como fazer origami ou cortar o próprio cabelo... Isso é fantástico! Com certeza os professores e mestres não podem “deixar de lado uma ferramenta como essa. O professor deve conhecer o potencial fazer de uso das mídias na sua sala de aula [...] deve saber manipular as mídias ao seu favor, e a favor do aprendizado de seus alunos” (CAETANO; FALKENBACH, 200?). É nesse mesmo sentido que devemos direcionar os nossos usuários. Não apenas lhes indicar livros, artigos e etc., mas também (se for pertinente) indicar filmes ou vídeos que possam sanar as lacunas no conhecimento que possivelmente possam ter.

Lucas Rodrigues

CAETANO, Saulo Vicente Nunes; FALKEMBACH, Gilse A. Morgental. You Tube: uma opção para uso do vídeo na EAD. Documento eletrônico. 2009.

MORAN, José Manuel. O vídeo na sala de aula. Comunicação & Educação, São Paulo, jan./abr. de 1995. Disponível em: http://www.eca.usp.br/prof/moran/vidsal.htm . Acesso em: 03 out. 2010.

0 comentários:

Postar um comentário