quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

The Legend of Zelda: Ocarina of Time


Não é segredo que eu adoro vídeo games. Tenho alguns consoles, todos ainda funcionando e me divirto muito com as aventuras que vivenciei na pele dos personagens; sem contar que foi através disso que aprendi e exercitei boa parte do meu idioma inglês. Jogo desde os dez anos e ao longo desse tempo tive a oportunidade de concluir vários jogos, entre eles uns que são históricos e que marcaram época. Entre eles estão: jogos do Mario em geral, Donkey Kong, Resident Evil, Pokémon, Final Fantasy, Mortal Kombat e etc. Contudo, um dos meus favoritos é da série Zelda: Ocarina of Time, relançado há pouco tempo para o console Nintendo 3DS. É sobre esse jogo que venho falar e recomendar hoje. É uma perfeita réplica (melhorada) do mesmo jogo lançado em 1998 para o console Nintendo 64. Aventura envolvente, épica e divertida. Para quem não sabe, a história do jogo se passa com Link, que cruza várias regiões de Hyrule a fim de salvar a Princesa Zelda, que dá nome ao jogo. Gráficos perfeitos, jogabilidade ótima, “chefões” clássicos... Tudo que um jogo precisa para fazer história. Se você tem um Nintendo 3DS, recomendo a compra do jogo. A diversão é garantida!

Lucas Rodrigues

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Polêmica das Árvores de Porto Alegre

Nos últimos dias se discutiu muito a questão da derrubada de mais de 100 árvores próximas ao Gasômetro na orla do Guaíba aqui em Porto Alegre. Como de costume, pessoas reclamaram e criticaram muito essa ação, tanto nas redes sociais, como nas ruas. Francamente, eu acho que é uma infelicidade toda essa derrubada, pois ficava muito bonita aquela área. Contudo, não serei daqueles que vai simplesmente atacar o prefeito, ou seja lá qual for a autoridade responsável. Essa manobra foi necessária e autorizada pelos membros competentes. Não vejo motivo para tanto estardalhaço, pois 100 árvores foram derrubadas, mas 400 mais serão replantadas. Acho somente que a frase usada pelo José Fortunati: “As pessoas não utilizam essas árvores” foi totalmente infeliz e mal colocada, fazendo assim aumentar ainda mais a polêmica. Repito que não gosto da ideia desse desmatamento, mas entendo que é um mal que vem para o bem, porque esta ação é parte da duplicação da Avenida Edvaldo Pereira Paiva e que vai desafogar o transito das vias que ligam ao centro. Não iriam cortar as árvores simplesmente por capricho, houve uma necessidade. Acho hipocrisia pessoas criticarem nosso trânsito e depois reclamar quando são tomadas providências para resolver o problema do congestionamento. Há aqueles que não acreditam que haverá replantio das mudas e que reclamarão de novo, contudo, diversos destes que falam, estarão bem felizes em seus carros, curtindo o seu ar-condicionado e dirigindo na avenida duplicada daqui a pouco tempo. É muito bonito reivindicar coisas e se dizer revoltado com a situação da arborização da cidade, todavia, não é bonito repetir o que os outros falam sem ter um real posicionamento. Essa é minha crítica principal sempre! Sei que há pessoas que são engajadas e realmente se importam, acho isso louvável; entretanto, me dá asco pessoas que fazem um discurso pró desenvolvimento sustentável e sequer colocam o lixo na lixeira.

Lucas Rodrigues